leia

Tipos de Jornalismo: conheça tudo sobre as diferentes formas de se fazer Jornalismo

Por Cristiane Silva

É muito comum que estudantes e cidadãos consumidores de notícias se questionem sobre os diferentes tipos de Jornalismo presentes no mercado de comunicação.

Os jornalistas reúnem e compartilham informações com o público por meio de jornais, revistas, portais, televisão e muito mais. Embora esses profissionais possam ter diferentes ambientes de trabalho e planos de carreira, todos os jornalistas devem ter forte habilidade de comunicação, capacidade de escrever com clareza e persistência em seguir histórias. Algum jornalismo pode conter elementos de opinião e análise, mas, em geral, espera-se que os repórteres sejam imparciais.

Uma das formas mais básicas de definir campos do Jornalismo é por sua forma de compartilhamento. Tais campos exigem habilidades semelhantes de reportar e contar histórias, mas têm maneiras diferentes de disseminar as informações:

  • Jornalismo impresso e online: é o ramo de profissionais que escrevem artigos e blogs para publicações impressas ou online, como jornais e revistas;
  • Jornalismo de difusão: os repórteres que compartilham notícias na televisão ou no rádio, ou através de vídeo ou áudio online são chamados jornalistas de difusão. Enquanto profissionais do impresso ou online se concentram mais nas habilidades de redação, os jornalistas de radiodifusão desenvolvem habilidades técnicas de produção de vídeo e áudio;
  • Fotojornalismo: fotojornalistas contam histórias através de fotos. Suas fotos podem acompanhar histórias escritas ou sustentar-se por conta própria;
  • Jornalismo multimídia: É uma combinação de jornalismo escrito, transmitido e fotojornalismo para criar histórias interativas e interessantes para a web.

 

Tipos de Jornalismo por conteúdo

Os tipos de Jornalismo também podem ser divididos com base na cobertura. 

  • Jornalismo de notícias: informa sobre eventos diários, desde crimes cotidianos até a política, em escala local ou nacional;
  • Reportagens: geralmente são mais longas que as notícias, permitem mais criatividade e aprofundam-se mais em um tópico;
  • Jornalismo investigativo: jornalistas investigativos trabalham para desvendar esquemas de corrupção e fraude, geralmente na política ou nos negócios;
  • Artigos de opinião, colunas, resenhas e artigos de análise: esses tipos de trabalho são mais baseados em opiniões, mas têm elementos de jornalismo e são apresentados em programas de TV, programas de rádio, jornais e muito mais;

 

Um tipo cada vez mais popular de jornalismo é o jornalismo de dados. Com todos os dados disponíveis atualmente, os jornalistas conseguem encontrar tendências em números que contam uma história maior. Se você está gostando deste artigo, você vai amar estes aqui também: 


Como trabalhar com Jornalismo de Moda

Como é trabalhar em uma assessoria de imprensa?

Tudo que você precisa saber sobre jornalismo esportivo

 

Alguns jornalistas se concentram em assuntos especiais e são chamados de setoristas. Eles podem cobrir esses campos como repórteres de um jornal diário ou escrever para publicações especificamente dedicadas a esses tópicos. Alguns setores comuns incluem esportes, negócios, política, arte e cultura, educação, viagens, ciência e meio ambiente, e criminalidade.

Mas, para todas os tipos de carreiras que o Jornalismo oferece, o primeiro passo é sempre o mesmo: fazer o curso de graduação. Clique aqui e conheça tudo sobre o curso de Jornalismo da Universidade Católica de Brasília e dê o primeiro passo em direção ao futuro dos seus sonhos!

 

Tags: Jornalismo

Receba os melhores conteúdos no seu e-mail!