leia

Entenda melhor a profissão do psicólogo

Por Por Eduarda Santos

O Conselho Federal de Psicologia (CFP) estima que existem quase 305 mil profissionais com graduação em Psicologia no país. A profissão, que é predominantemente feminina, carrega consigo alguns mitos sobre a sua atuação, como o de que “psicólogos são médicos” ou que “apenas dão conselhos”. Mesmo entre os futuros profissionais, as dúvidas são muitas.

Tornar mais clara a profissão do psicólogo é um dos objetivos deste artigo. Se você já decidiu por esse curso e está em busca de uma faculdade de Psicologia em Brasília, esse é o momento de entender mais sobre sua carreira!

O que faz um psicólogo?

As pessoas podem procurar um psicólogo por inúmeras razões, mas o objetivo principal é provocar uma melhora no bem estar e na sua saúde emocional. Isso é feito por meio da atuação do psicólogo em algumas atividades, sendo as principais a avaliação psicológica, a orientação vocacional e a psicoterapia.

O psicólogo está apto realizar diagnósticos sobre a condição mental dos indivíduos e, se for o caso, indicar tratamentos (não medicamentosos) para essas condições. Ele poderá dizer se uma pessoa está ou não apta a realizar determinada função laboral, se oferece riscos para si ou para sociedade ou dizer se alguém que cometeu um crime estava em pleno gozo mental, por exemplo.

As principais áreas de atuação do psicólogo são:

Psicologia Clínica 

Esse é o campo mais amplo de toda a Psicologia. Os profissionais que optam pela área clínica atuam diretamente com a saúde mental, realizando diagnósticos, identificando problemas de aprendizagem e identificando distúrbios emocionais, por exemplo.

Psicologia Organizacional e do Trabalho

É a área que estuda o comportamento do indivíduo no ambiente empresarial. Dentre as principais funções estão às relacionadas à gestão de pessoas (realização de testes de admissão, por exemplo) e ao bem-estar no ambiente de trabalho.

Políticas públicas

As políticas públicas necessitam de profissionais com visão abrangente sobre o comportamento humano e suas necessidades, para que sejam implementadas sem ferir a ética e a individualidade. É aí que entra o psicólogo, ajudando a elaborar políticas de promoção à saúde e trabalho junto a populações vulneráveis, como pessoas em situação de rua.

O que é necessário para a atuação profissional?

Para tornar-se um psicólogo, é necessário curso superior na área e o registro no Conselho Regional de Psicologia da sua região. Caso queira especializar-se em uma das muitas áreas da Psicologia, você tem inúmeras opções, desde cursos de pós-graduação, a provas de conhecimento realizadas pelo CFP e comprovação de experiência profissional.

Se quer atuar na Administração Pública, em hospitais e clínicas do Estado, por exemplo, deverá fazer concurso público para os cargos de  Psicólogo, Psicologista ou Psicotécnico.

O psicólogo é um profissional interdisciplinar, que possui conhecimento da área de saúde e das ciências humanas. É importante que ele aja com ética em sua atuação, prezando sempre pelo bem-estar do paciente.

Tirou todas as dúvidas sobre essa profissão? Se ainda restarem algumas, não tem problema! Deixe o seu comentário, que responderemos em breve.

Saiba mais em: PSICOLOGIA NA UCB

Receba os melhores conteúdos no seu e-mail!